Login | Cadastre-se

Continbox

Siga nossas redes sociais

BLOG

O que é um regime comunista?

Publicado em: 05/04/2021

O regime comunista ou comunismo, pode ser resumido como uma ideologia política e socioeconômica. De fato, o objetivo dessa forma de governo é estabelecer uma sociedade igualitária, ou seja, estendendo os mesmos direitos a todos os seus cidadãos.

Para isso, o comunismo defende a extinção de todo tipo de propriedade privada, do sistema de classes sociais e até mesmo do Estado.

Essa ideologia remonta aos tempos de Platão, que já escrevia sobre o assunto, descrevendo uma sociedade ideal em sua obra “A República”. Segundo ele, sem propriedades privadas, deixariam de existir conflitos entre o governo e os cidadãos comuns.

Na realidade, as ideias de Platão eram mais obscuras do que o pensamento comunista atual, que foi sendo reformulado com o passar dos séculos. Por fim, o conceito de regime comunista se moldou ao que é conhecido hoje.

Atualmente, é esse pensamento que impera na Coreia do Norte, em Cuba, no Laos, no Vietnã e na China, as cinco últimas nações comunistas após a queda do muro de Berlim. E é sobre as principais características desse sistema de governo, que vamos falar a seguir.

Principais características do regime comunista

  • Defende a abolição das classes sociais

Para começar, essa é a característica mais destacada do comunismo. Essa ideologia parte do princípio de que as classes sociais resultantes das propriedades privadas têm um efeito colateral, a desigualdade social. Em outras palavras, o comunismo prega que todos devem ter as mesmos direitos e oportunidades.

  • Está subordinado ao socialismo

Os idealizadores do regime comunista defendiam que, para que o comunismo funcione, é necessário que o socialismo seja instalado primeiro. Ou seja, é preciso que os meios de produção e os meios de distribuição das riquezas sejam tornados coletivos.

Na prática, o socialismo é um meio de transição entre capitalismo e comunismo, quando o governo ainda está no processo de fazer com que os meios de produção passem de privados para coletivos.

  • Tem por objetivo substituir o capitalismo

Para o regime comunista, no capitalismo homem explora homem e, como resultado, ocorre a desigualdade social. Nesse caso, uma pequena elite tem domínio sobre o proletário, o indivíduo que só tem como renda sua força de trabalho.

Além disso, essa classe mais alta tem também grande influência sobre o Estado. Por isso, de acordo com o comunismo, toda essa estrutura precisa ser desfeita para que a igualdade fosse alcançada.

  • É contra a propriedade privada

Nesse momento, já está clara a aversão do comunismo ao sistema capitalista que concede o direito à posse individual de propriedade e a resultante desigualdade de classes. Consequentemente, esse é o ponto focal do regime: se opor, minar e derrubar o regime capitalista.

Resumidamente, o ideal do regime comunista prega que as propriedades e meios de produção sejam de domínio coletivo. Impedindo, dessa forma, a necessidade de se vender mão-de-obra e se submeter ao Estado e à elite dominante, o comunismo levaria a sociedade à igualdade.

 

Foto de formulário PxHere

Características do Comunismo – abstracta – Filosofia, Sociologia e Psicologia

VOLTAR

TAGS RELACIONADAS:


Comentários

Não houve nenhum comentário sobre este artigo, seja o primeiro a deixar o seu comentário


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notifique-me sobre novos comentários por e-mail.

Notifique-me sobre novas publicações por e-mail.