Que tipo de empreendedor você é?

10 de março de 2022

empreendedor

Para ser um empreendedor é preciso ter um objetivo, uma paixão ou uma necessidade. Mas para que seu negócio tenha sucesso, é importante que você entenda qual tipo de empreendedor você é. Isso porque cada estilo de empreendedorismo tem características e abordagens diferentes. Entender essas características irá ajudá-lo a direcionar melhor seus esforços e saber exatamente onde quer chegar. Para ter sucesso em um negócio, é preciso entender as aspirações da pessoa física e estabelecer uma conexão com seus objetivos. É necessário responder a questões como “Quem sou?”, “O que quero?” e “Para onde estou indo?”.

Segundo um estudo do SEBRAE, existem nove tipos de empreendedores. Cada um deles possui características que os distinguem dos demais. É importante identificar em qual categoria você se encaixa para saber o que fazer para melhorar seu negócio. Sabe aquela história de que você pode ser um empreendedor dentro da própria empresa onde trabalha? Pois é, isso também é possível. Basta ter criatividade e iniciativa para encontrar soluções para os problemas da companhia. Além disso, acreditamos que São Paulo oferece inúmeras oportunidades de negócios e é uma cidade única no Brasil.

São Paulo é uma cidade grande e diversificada, formada por regiões e bairros com características únicas. Isso se deve aos imigrantes que chegaram à cidade em busca de oportunidades e construíram sua história. Por isso, é possível encontrar de tudo na maior metrópole do Brasil: desde lugares movimentados e agitados até os mais tranquilos.

Quer descobrir qual é o seu tipo de empreendedor? Então, leve em conta os principais bairros de São Paulo. Segundo pesquisas, cada região da cidade possui características próprias que influenciam no perfil dos seus habitantes. Assim, basta analisar os bairros onde você se identifica para saber qual é a sua personalidade empreendedora. Vamos lá?

 

1. O Informal

Vila Madalena. Este tipo de empreendedor é focado nas necessidades imediatas e tem pouca visão de longo prazo. Mesmo assim, ele vai crescendo e se desenvolvendo aos poucos, pois está sempre atento às oportunidades que aparecem.

 

2. O Cooperado

Mooca. Empreendedores cooperativistas costumam empreender junto a outros profissionais, como artesãos, por exemplo. Para eles, o trabalho em equipe é fundamental para o crescimento do negócio. Geralmente não possuem muitos recursos financeiros, mas isso não os impede de alcançar seus objetivos. Empreendem de maneira bastante intuitiva e contam com um baixo risco.

 

3. O Individual

Bela Vista. Esse empreendedor está formalizado e busca crescer de forma sustentável. Geralmente trabalha sozinho ou com apenas um funcionário, mas está ligado à necessidade de ter um negócio que seja viável economicamente.

 

4. O Franqueado

Brooklin. Muitos empreendedores desconsideram o franqueado como uma grande ameaça aos seus negócios. Mas é preciso tomar cuidado, pois um franqueado bem-sucedido pode rapidamente tornar o negócio lucrativo. Geralmente, os empreendedores buscam uma renda mensal fixa e um retorno rápido do investimento.

 

5. O social

Centro e adjacências (Santa Cecília, Campos Elíseos, República). Muitos empreendedores sociais se motivam pelo desejo de mudar o mundo. São pessoas altruístas que querem fazer o bem e, ao mesmo tempo, ganhar dinheiro com isso. Esse tipo de empreendedor tem crescido muito nos últimos anos, sobretudo entre os jovens universitários. Esses jovens estão abrindo seus próprios negócios para resolver problemas da sociedade que a área pública não consegue. As pessoas que se identificam com este perfil buscam a cooperação e o engajamento para alcançar seus objetivos. Por isso, é importante compartilhar suas ideias e inspirar outras pessoas a fazerem o mesmo.

 

6. O Corporativo

Vila Olímpia e Itaim. É cada vez mais comum encontrar empregados que tenham o espírito de empreendedor e busquem se desenvolver na carreira. O grande desafio para as empresas é encontrar maneiras de aumentar esse número, pois esses funcionários tendem a ter um maior comprometimento e contribuem para o crescimento da organização.

 

7. O Público

Morumbi. O empreendedor público é aquele que atua em autarquias e órgãos governamentais. Muitos funcionários públicos buscam utilizar melhor os recursos disponíveis e inovar nos serviços básicos oferecidos à sociedade. Sua motivação está ligada ao fato de conseguir provar que seu trabalho é importante para a comunidade, proporcionando mudanças significativas na qualidade de vida das pessoas.

 

8. O do Conhecimento

Butantã, Higienópolis e Vila Mariana. Para se destacar na sua área de atuação, é preciso ter um profundo conhecimento sobre ela. Esse conhecimento pode ser adquirido na universidade ou ser nato, o que é bastante comum. Os empreendedores que possuem esse know-how usam para capitalizar, empreender e fazer acontecer. Para eles, a realização profissional e reconhecimento são muito importantes.

9. O do Negócio Próprio

Esse é o tipo de empreendedor que está começando do zero. Geralmente, ele abre um negócio próprio porque quer ter flexibilidade e autonomia para fazer suas escolhas, ou então por acreditar que pode crescer muito com seu projeto. Esse é também o único tipo de empreendedor que possui subdivisões: o empreendedor nato, o serial e o normal?

O empreendedor nato é o tipo de pessoa que tem uma ideia brilhante e consegue transformá-la em um negócio de sucesso. Já o serial entrepreneur é aquele que cria vários negócios, sem se apegar muito aos detalhes da primeira ideia. Ele está sempre à procura de novas oportunidades e sabe lidar bem com os riscos do mercado.

Por fim, o empreendedor “normal” é aquele que planeja com cuidado afim de minimizar os riscos e segue o plano estabelecido. Independentemente do ramo de atuação, pois todos os ramos de negócios têm no empreendedorismo as suas raízes.

Se identificou com mais de um dos perfis que descrevemos? É bem provável. Isso porque, na verdade, cada pessoa possui características de vários tipos e não há uma fórmula para se encaixar em apenas um. Cabe a você descobrir qual é o seu e apostar naquilo que te torna único!